Published On:segunda-feira, 12 de março de 2012
Posted by JORNAL EDUCADORA

Quero enterro digno para minha filha', diz mãe de Eliza Samudio

Sônia Fátima Moura comentou estratégia de defesa do goleiro Bruno.

Filho de Eliza está saudável e será são-paulino como a mãe, diz avó.

Hélder RafaelDo G1 MS

4 comentários
Sônia segurando Bruninho no colo em seu aniversário de 1 ano, em MS. (Foto: Produção/ TV Morena)Sônia segurando Bruninho em seu aniversário de
1 ano, em MS. (Foto: Produção/ TV Morena)

A dona de casa Sônia Fátima Moura, mãe de Eliza Samudio, disse não ter ficado surpresa com a mudança na estratégia dos advogados do goleiro Bruno Fernandes. A defesa do atleta no julgamento admitirá a morte da ex-namorada do jogador, mas sem a participação de Bruno no crime.

"Isso [a estratégia de defesa] não é novidade para mim. Sempre tive certeza de que eles iriam confessar. A Eliza não está desaparecida porque ela jamais deixaria o filho dela nas mãos de desconhecidos", afirmou Sônia por telefone ao G1 nesta segunda-feira (12).

Até então, a defesa do goleiro sustentava que a jovem estava viva, já que o corpo nunca foi encontrado. A mãe da ex-namorada do atleta afirma que não tem mais expectativas de encontrar a filha viva, e espera que o julgamento seja marcado para este ano. "A única coisa que eu quero e vou exigir do juiz, por meio dos meus advogados, é que eles apontem onde está o corpo da minha filha. Quero dar um enterro digno a ela e mostrar ao meu neto onde descansa a mãe dele", comentou.

O filho de Eliza, de 2 anos e 1 mês de idade, vive atualmente com a família da avó, que tem a guarda provisória. Sônia conta que a criança é bastante ativa e esperta, tem boa saúde e aprende brincadeiras em casa o tio, de 13 anos. "Ele vai ser são-paulino como a mãe", diz. Para preservar o menino da exposição pública, a avó diz que pretende matriculá-lo em uma escola infantil depois de encerrada a fase do julgamento.

Bruno e mais sete são réus no processo sobre o desaparecimento e morte de Eliza. De acordo com a pronúncia da juíza Marixa Fabiane Rodrigues Lopes, Eliza foi morta em junho de 2010, após tentar na Justiça o reconhecimento da paternidade de seu filho pelo goleiro.

Eliza Samudio (Foto: Reprodução/TV Globo)Eliza Samudio (Foto: Reprodução/TV Globo)

Caso Eliza Samudio
O goleiro Bruno Fernandes e mais sete réus vão a júri popular no processo sobre o desaparecimento e morte de Eliza Samudio, ex-namorada do jogador. Para a polícia, Eliza foi morta em junho de 2010 na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e o corpo nunca foi encontrado.

Após um relacionamento com o goleiro Bruno, Eliza deu à luz um menino em fevereiro de 2010. Ela alegava que o atleta era o pai da criança. Atualmente, o menino mora com a mãe da jovem, em Mato Grosso do Sul.

O goleiro, o amigo Luiz Henrique Romão – conhecido como Macarrão –, e o primo Sérgio Rosa Sales vão a júri popular por sequestro e cárcere privado, homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver. Sérgio responde ao processo em liberdade. O ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, também está preso e vai responder no júri popular por homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver.

Dayanne Rodrigues, ex-mulher do goleiro; Wemerson Marques, amigo do jogador, e Elenílson Vítor Silva, caseiro do sítio em Esmeraldas, respondem pelo sequestro e cárcere privado do filho de Bruno. Já Fernanda Gomes de Castro, outra ex-namorada do jogador, responde por sequestro e cárcere privado de Eliza e do filho dela. Eles foram soltos em dezembro de 2010 e respondem ao processo em liberdade. Flávio Caetano Araújo, que chegou a ser indiciado, foi inocentado.

Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), não há previsão de data para o julgamento do caso Eliza Samudio.

About the Author

Posted by JORNAL EDUCADORA on segunda-feira, março 12, 2012. Filed under , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By JORNAL EDUCADORA on segunda-feira, março 12, 2012. Filed under , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

0 comentários for "Quero enterro digno para minha filha', diz mãe de Eliza Samudio"

Leave a reply

DESTAQUE

Em Reunião Com Prefeito Chico, Salatiel Apresenta Solicitações da Comunidade

Vereador Salatiel em Reunião no Gabinete do Prefeito Chico Pirolli O vereador Salatiel Assis “Salatiel da Rádio”, esteve reunido com...

V Í D E O S

V Í D E O S
Juntos Por Sete Quedas - Salatiel Acompanha Operação Tapa Buraco Entre Sete Quedas e Tacuru

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO