Published On:domingo, 2 de setembro de 2012
Posted by JORNAL EDUCADORA

Polícia Civil procura assassino de policial em Tacuru

Um dos acusados de envolvimento no assassinato do policial civil Miguel Honorato Abreu Holsbach, de 43 anos, já está preso

Clique na Imagem para ampliá-la

O acusado preso, José Vieira dos Santos, o “Magrão”,de 33 anos. Ele disse que quem atirou contra o policial foi seu irmão e o crime teve por motivação vingança pessoal. (Fotos: Divulgação)

Vilson Nascimento

A polícia está a procura de Arnaldo Vieira dos Santos, acusado de assassinar um investigador de Polícia Civil na noite desse sábado, 1 de setembro em Tacuru.

Um dos acusados de envolvimento no assassinato do policial civil Miguel Honorato Abreu Holsbach, de 43 anos, já está preso.

De acordo com a Polícia Civil, ao ser preso horas depois do crime, o vendedor de pastéis, José Vieira dos Santos, o “Magrão”, de 33 anos, morador em Tacuru, teria relatado que o responsável pelos disparos foi seu irmão, Arnaldo Vieira e o crime foi motivado por vingança, por conta de um trabalho de investigação desencadeado pelo policial assassinado, que era investigador de polícia lotado na Delegacia de Polícia Civil de Tacuru.

De acordo com a Polícia Civil, tempos atrás, Miguel Holsbach, teria desvendado um assassinato ocorrido na cidade, onde foi apurado que Arnaldo Vieira foi o autor, desde então o rapaz teria jurado se vingar do policial.

Segundo a equipe de investigação, que tem no comando o delegado, Dr. Claudineis Galinari e conta com a atuação de policiais civis de Tacuru, Amambai, Sete Quedas, Paranhos, Coronel Sapucaia e Ponta Porã, após ser preso, Magrão teria relatado que sua função no crime foi monitorar, por dias, os passos e os costumes do policial assassinado, um deles foi no fato que Miguel geralmente assistia TV na sala de casa com a porta aberta.

De acordo com o acusado preso, seu irmão teria usado uma pistola calibre 9mm para assassinar o investigador de polícia e a arma teria sido levada com ele durante a fuga. A polícia trabalha agora para localizar e prender o acusado. Na casa do acusado preso, José Vieira dos Santos, o “Magrão”, os policiais apreenderam cerca de R$ 19 mil reais em dinheiro, que segundo a equipe de investigação, ele não soube revelar a origem.

O crime

O policial civil Miguel Holsbach foi alvejado por volta da 21h desse sábado quando assistia TV na sala de casa ao lado da esposa, uma funcionária pública municipal local.

Após ser atingido, o policial ainda teria tentado se esconder em um dos cômodos da casa, mas acabou não resistindo e morreu.

Durante a ação criminosa a esposa do policial também acabou ferida com pelo menos quatro disparos, foi socorrida para o Hospital Municipal local em Tacuru, mas passa bem.

Fonte: A Gazeta News

About the Author

Posted by JORNAL EDUCADORA on domingo, setembro 02, 2012. Filed under , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By JORNAL EDUCADORA on domingo, setembro 02, 2012. Filed under , , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

0 comentários for "Polícia Civil procura assassino de policial em Tacuru"

Leave a reply

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO