Published On:segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013
Posted by salatiel assis

Igreja Católica Deverá Ter Novo Papa Até a Páscoa


O papa Bento XVI durante a bênção dominical no Vaticano (Foto: AP)A Igreja Católica deve ter um novo Papa até a festa da Páscoa, no próximo dia 31 de março, disse nesta segunda-feira (11) o porta-voz do Vaticano, após o Papa Bento XVI ter anunciado que vaí renunciar em 28 de fevereiro.
"Temos de ter um novo Papa na Páscoa", afirmou o padre Federico Lombardi em entrevista.
Segundo o porta-voz, será realizado um conclave (reunião de cardeais para escolher o novo Papa) em 15 a 20 dias após a renúncia.
Na lei canônica, há um dispositivo que prevê que um papa pode renunciar, mas precisa fazê-lo por sua livre vontade, e não é necessário que sua renúncia seja aceita por ninguém.

A Sé Vacante, ou seja, o tempo que transcorre de quando um papa morre ou renuncia - como anunciou nesta segunda-feira Bento XVI - até que se eleja o sucessor, começará em 28 de fevereiro às 20 horas de Roma (17h de Brasília), segundo anunciou o próprio pontífice em sua carta de renúncia.
A renúncia de um papa está prevista no Código de Direito Canônico, no artigo 332.2, que estabelece que para ser válida é necessário que seja de livre e espontânea vontade e que não precisa ser aceita por ninguém. Segundo o código, uma vez tendo renunciado, o papa não pode mais voltar atrás.
O último pontífice a renunciar por vontade própria foi Celestino V, em 1294, após apenas cinco meses de pontificado. Gregório XII abdicou a contragosto em 1415 para encerrar uma disputa com um candidato rival à Santa Sé. Outros registros de papas que renunciaram são de Ponciano, em 235; Silvério, em 537; João XVIII, em 1009; e Bento IX, em 1045.
Após a saída ou morte do papa, os assuntos da igreja fica sob a responsabilidade do Cardeal Decano, ou Camerlengo. É ele quem convoca o conclave, que significa “local para reuniões secretas”, reúne todos os 120 cardeais da Igreja Católica no Vaticano. Eles ficam isolados em celas particulares e se reúnem na Capela Sistina duas vezes por dia para votar, durante nove dias, nove dias, ou pelo tempo que for necessário.
O papa Bento XVI no Vaticano (Foto: AP)
O voto é secreto. A votação é feita em papel. Para que um papa seja eleito o candidato deverá ter a maioria dos votos, ou seja, metade mais um. Depois de cada sessão, os papéis da votação são queimados. Se não houver uma definição, uma substância química é adicionada aos papéis para produzir uma fumaça escura, que sai pela chaminé do telhado do Palácio do Vaticano. Se houver uma definição, a fumaça é branca. O novo pontífice é anunciado para a multidão com a frase em latim “Habemus papam”.

About the Author

Posted by salatiel assis on segunda-feira, fevereiro 11, 2013. Filed under , , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By salatiel assis on segunda-feira, fevereiro 11, 2013. Filed under , , , , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

0 comentários for "Igreja Católica Deverá Ter Novo Papa Até a Páscoa"

Leave a reply

DESTAQUE

Salatiel Solicita Ar Condicionado Para Escolas Rurais e Cadeiras de Rodas para APAE

O vereador Salatiel da Radio esteve em viajem para Campo Grande, onde esteve visitando vários gabinetes na Capital do Estado, onde protoc...

V Í D E O S

V Í D E O S
Juntos Por Sete Quedas - Salatiel Acompanha Operação Tapa Buraco Entre Sete Quedas e Tacuru

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO