Published On:terça-feira, 5 de março de 2013
Posted by salatiel assis

Em Reunião, População Setequedense Diz “Não A Demarcação Indígena”


Aconteceu nesta segunda (04) uma reunião promovida pela diretoria do Sindicato Rural de Sete Quedas, onde foram convidados membros de toda comunidade para debater a demarcação indígena. Participaram representantes de toda comunidade como comerciantes, pecuaristas, agricultores, educadores, profissionais liberais, imprensa local e também membros da classe política, dentre outros.
Segundo os organizadores essa reunião servirá de inicio para uma campanha de manifestos demonstrando o interesse da comunidade em não desvalorizar a suas propriedades. A manifestação acontecerá no dia  08, para mostrar que a comunidade está unida para defender os produtores rurais, pois entendem que os benefícios promovidos pela classe produtora, geram progresso, não só ao município como à toda região. “Devemos mostrar que estamos unidos também pelos nossos direitos, e que temos interesse no desenvolvimento do nosso município” disse o presidente do sindicato rural Orlando Vendramini. Ainda, segundo ele, algumas indústrias e empresas tem interesse em se instalarem no município, e sabemos que ao se tornar área indígena isso não ocorrerá, trazendo prejuízos a todos os moradores da comunidade. A geração de emprego é um problema grande na região e com essas demarcações esse problema aumentará ainda mais.
Durante os debates todos demonstraram a mesma linha de pensamento, de não ser contra os indígenas, mas sim contra a forma que as demarcações estão acontecendo. “Ninguém é contra os índios, somos contra a forma como as entidades organizadas estão fazendo para conseguir isso. Os produtores é que fazem esse país funcionar e caminhar, e isso tudo está em risco. Nosso intuito é mostrar que também temos que se organizar para defender nossos direitos, pois os governantes esquecem de dar voz aos produtores mediante os indígenas que tem apoio de ONGs e instituições que muitas vezes tem interesse próprio e usam os índios para tal”, disse um dos convidados. Ainda em voz aos participantes foi citado que não se pode fazer justiça cometendo injustiça, ou seja, como ajudar aqueles que tomam posse do que não lhes pertencem.
Então é preciso encontrar uma solução para agregar os povos indígenas sem que prejudiquem os moradores, sejam eles de quaisquer atividades produtivas da sociedade. Num grito de desespero um produtor desabafa: “Está havendo um esquecimento dos nossos governantes quanto aos nossos direitos, compramos e pagamos nossos impostos. Não podemos permitir que sejamos despejados de dentro de nossas casas. Que país é este que quem trabalha não tem valor? Temos que cuidar para que isso não se torne uma guerra”, disse Paulo Tuneiras, um dos produtores participantes da reunião.
Ao finalizar o evento foi decidido que todos trabalharão em prol da manifestação de apoio aos produtores rurais.“Temos que dar nosso grito de indignação quanto a essa situação, pois o que está acontecendo é uma injustiça”, disse Daniel de Souza.
Perante a sociedade fica se a discussão: Dos produtores rurais recebemos vários benefícios e dos indígenas o que podemos receber?
 
Fonte: www.educadora91.com fotos: Salatiel Assis

About the Author

Posted by salatiel assis on terça-feira, março 05, 2013. Filed under , , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By salatiel assis on terça-feira, março 05, 2013. Filed under , , , , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

3 comentários for "Em Reunião, População Setequedense Diz “Não A Demarcação Indígena”"

  1. E esses indios vão fazer o que com nssas terras, ja que esses filhos da pta, só sabem queimar tudo, plantar que é bom ta dificil e ainda mais que quanto mais filhos tem mais o governo da dinheiro a eles, ha fala serio vao fica onde tão mesmo e fecha o bico, esses bando de folgado.

  2. CASA RURAL - INSUMOS AGRICOLAS
    QUERO PARABENIZAR A TODOS QUE DE FORMA DIRETA E INDIRETA ESTÃO NA LUTA POR JUSTIÇA JUNTOS AOS ORGÃOS COMPETENTES DIZENDO NÃO A DEMARCAÇÃO INDIGENA PARA QUE O NOSSO MUNICIPIO NÃO PERCA A ACELERAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO ECONOMICO QUE VEM ATRAVÉS DA AGRO-PECUÁRIA.
    GERAR EMPREGOS E COLHER ALIMENTOS COMO OS PRODUTORES DE GRÃOS E CARNE FAZEM, ISTO É TRAZER BENEFICIO EM TODOS OS SETORES E CLASSES DO NOSSO MUNICIPIO.
    ESTAMOS JUNTOS NESTA CAUSA.
    CARLOS

  3. Enquanto o PT estiver no poder será esse desmando total e desrespeito à propriedade privada Não temos mais Estado de Direito o Brasil está a caminho de se transformar em uma Cuba

Leave a reply

DESTAQUE

Em Reunião Com Prefeito Chico, Salatiel Apresenta Solicitações da Comunidade

Vereador Salatiel em Reunião no Gabinete do Prefeito Chico Pirolli O vereador Salatiel Assis “Salatiel da Rádio”, esteve reunido com...

V Í D E O S

V Í D E O S
Juntos Por Sete Quedas - Salatiel Acompanha Operação Tapa Buraco Entre Sete Quedas e Tacuru

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO