Published On:quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014
Posted by salatiel assis

Paranhos : Policia do Brasil e do Paraguai já Identificou Assassino de Policial

13971fabe27396ebd1ab2a4625a33800
A Polícia Civil, com apoio da Polícia Nacional do Paraguai e principalmente da sociedade da cidade paraguaia, já identificou o assassino do policial civil Marcílio Souza, de 51 anos, morto na tarde dessa quarta-feira, 12 de fevereiro em Ypejhú, no Paraguai.

 A identificação do acusado

 De acordo com o delegado Dr. Rinaldo Moreira que é titular em Sete Quedas, (mas responde pela Delegacia de Paranhos também) que comanda as investigações do caso, após a morte do policial, equipes de investigadores das delegacias de Paranhos, Sete Quedas, Tacuru, Iguatemi e Eldorado, com apoio da Defron (Delegacia de Fronteira), Policia Militar e da polícia paraguaia, passaram a atuar no caso.
 Segundo o Dr. Rinaldo, depois de diversas informações de populares, não restam mais dúvidas sobre a autoria do crime, os policiais chegaram a uma conclusão de que o autor do crime seria o pintor de paredes e também pintor automotivo, Gustavo Barros Benites, de 26 anos, o qual já havia sido investigado pelo policial assassinado.
Ainda de acordo com o delegado, o nome de Gustavo Benites, que desde 2012 está com a prisão preventiva decretada e está sendo procurado pela Justiça, já havia sido relatado em várias ocorrências pelo policial assassinado por crimes de ameaça de morte contra pessoas e por coação de testemunha em processo em curso.
300x225-2b6d42758b957df5f78038293a644f01
Segundo os policiais que estão atuando no caso, além das informações passadas por pessoas da sociedade relatando que o ator do crime seria o pintor, inclusive no caso batendo as características físicas com o assassino do policial, no bagageiro de uma moto de origem paraguaia abandonada pelo criminoso na hora da fuga, os policiais também encontraram um recipiente com tinta de cor vermelha, o que reforçaria ainda mais as denúncias dos populares.
 A comprovação da autoria do crime por parte de Gustavo Barros Benites também foi fortalecida, segundo o delegado responsável pelas investigações, pelo fato de diversas pessoas terem visto o acusado transitando regularmente em Paranhos, no Brasil e em Ypejhú no Paraguai com a mesma motocicleta abandonada pelo assassino durante a fuga após o crime.

 Delegado vai pedir a prisão

 Apesar de já está com a prisão preventiva decretada pela Justiça de Sete Quedas, comarca a qual o município de Paranhos pertence, o delegado encarregado pelas investigações do caso, Dr. Rinaldo Moreira, informou que irá representar pela prisão preventiva de Gustavo Barros Benites, também pelo assassinato do policial Marcilio de Souza.
 Policiais estão empenhados na prisão de Gustavo Barros que está sendo procurado por forças policiais dos dois lados da fronteira, para tanto há uma forte mobilização policial na região, onde equipes da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, com apoio da Polícia Militar realizam buscas do lado brasileiro, enquanto a Polícia Nacional do Paraguai, inclusive com apoio de uma equipe de investigação da capital do departamento (estado) de Canindeyú, procuram pelo acusado do lado paraguaio da fronteira.  A expectativa, segundo Dr. Rinaldo Moreira, é que o acusado seja localizado e preso o mais breve possível.

 Marcílio havia sofrido ameaças

 O policial civil Marcílio de Souza, que no momento que foi surpreendido pelo assassino estava com duas armas, um revólver calibre 38 e uma pistola calibre ponto 40 milímetros, na cintura, teria chegado a comentar, segundo o delegado encarregado pelo caso, que vinha sofrendo ameaças anônimas, mas não teria se intimidado com a situação.
 Marcílio de Souza atuava há cerca de dez anos junto a Delegacia de Polícia Civil de Paranhos, período que ajudou a investigar e desvendar vários crimes que inclusive resultaram em prisões de criminosos considerados de alta periculosidade, que atuavam na região de fronteira.   Antes de se tornar policial civil, Marcílio foi professor em Amambai, onde sua familia ainda reside.
fronteiraagora

About the Author

Posted by salatiel assis on quinta-feira, fevereiro 13, 2014. Filed under , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By salatiel assis on quinta-feira, fevereiro 13, 2014. Filed under , , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

0 comentários for "Paranhos : Policia do Brasil e do Paraguai já Identificou Assassino de Policial"

Leave a reply

DESTAQUE

Salatiel Solicita a Estado a Volta da Emissão de Carteira de Identidade no Município

Vereador Salatiel da Radio no Gabinete da Vice-Governadora Rose Modesto O vereador Salatiel da Radio encaminhou oficio a Vice-Governado...

V Í D E O S

V Í D E O S
Juntos Por Sete Quedas - Salatiel Acompanha Operação Tapa Buraco Entre Sete Quedas e Tacuru

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO