Published On:quinta-feira, 28 de agosto de 2014
Posted by JORNAL EDUCADORA

Tacuru está entre as cidades da operação da polícia que apreendeu 2 toneladas de produtos clandestinos.



Cinco cidades do interior de Mato Grosso do Sul foram alvo de uma operação da Polícia Civil em conjunto com a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) e o Mapa (Ministério da Agricultura de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), que apreendeu duas toneladas de produtos contrabandeados.

As fiscalizações foram feitas entre os dias 18 e 23 de agosto em Tacuru, Laguna Caarapã, Aral Moreira, Douradina e Dourados. A Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo) coordenou toda a ação.

Entre os produtos de origem animal apreendidos estão carnes bovinos, suínas, linguiça caseira, laticínios e couros de animais abatidos de forma clandestina. Conforme a Decon, a maioria dos itens era acondicionado em más condições de higiene e também transportada de forma irregular.

Os donos dos estabelecimentos responderão a procedimento administrativo da Iagro e também da Polícia Civil. A pena para os crimes pode chegar a 2 ou 5 anos de detenção.

Fonte: CGNEWS

About the Author

Posted by JORNAL EDUCADORA on quinta-feira, agosto 28, 2014. Filed under , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By JORNAL EDUCADORA on quinta-feira, agosto 28, 2014. Filed under , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

0 comentários for "Tacuru está entre as cidades da operação da polícia que apreendeu 2 toneladas de produtos clandestinos."

Leave a reply

DESTAQUE

Salatiel Solicita a Estado a Volta da Emissão de Carteira de Identidade no Município

Vereador Salatiel da Radio no Gabinete da Vice-Governadora Rose Modesto O vereador Salatiel da Radio encaminhou oficio a Vice-Governado...

V Í D E O S

V Í D E O S
Juntos Por Sete Quedas - Salatiel Acompanha Operação Tapa Buraco Entre Sete Quedas e Tacuru

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO