Published On:terça-feira, 31 de janeiro de 2017
Posted by salatiel assis

Em Ação a polícia do paraguai, brasileiro tem soja sequestrada no Paraguai


Imagens mostram uma ação violenta da polícia paraguaia na propriedade de um brasileiro no distrito Mayor Otaño, departamento de Itapúa localizado a 100 quilômetros de Cidade do Leste, no Paraguai. 
 
De acordo com a imprensa local, aproximadamente 150 homens da polícia escoltaram funcionário do Grupo Favero que afirma ter direitos sobre a produção agrícola na propriedade Marino Raiter. 
 
A empresa entrou na área e fez a colheita da soja cultivada pelo produtor que luta na justiça para provar que não tem dívidas com o grupo. 
 
Vídeos que circulam por vários aplicativos mostram policiais chutando as pessoas que tentavam impedir a ordem judicial. 
 
A denúncia do brasileiro que vive no local há 30 anos é que foram falsificadas assinaturas para fazer hipotecas e notas promissórias em favor do Grupo Favero. 
 
A ação violenta terminou com 11 detidos por desacato a autoridade. 
 
De acordo com os jornais, 130 hectares de soja equivalente US$ 300 mil dólares foram sequestrados da propriedade. O grupo cobra dívida de 23 milhões de dólares.
 
Marino chegou ao Paraguai há 30 anos. Seus filhos nasceram e foram criados no país. 
VIDEOS
FOTOS

About the Author

Posted by salatiel assis on terça-feira, janeiro 31, 2017. Filed under , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. Feel free to leave a response

By salatiel assis on terça-feira, janeiro 31, 2017. Filed under , , . Follow any responses to the RSS 2.0. Leave a response

0 comentários for "Em Ação a polícia do paraguai, brasileiro tem soja sequestrada no Paraguai"

Leave a reply

DESTAQUE

Salatiel Solicita a Estado a Volta da Emissão de Carteira de Identidade no Município

Vereador Salatiel da Radio no Gabinete da Vice-Governadora Rose Modesto O vereador Salatiel da Radio encaminhou oficio a Vice-Governado...

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO