Nova etapa da rodovia Sul Fronteira Entre Aral Moreira e Coronel Sapucaia tem convênio de R$ 10 milhões

Posted by salatiel | segunda-feira, 18 de janeiro de 2016 | Posted in , , ,

Com recurso de R$ 10 milhões, um novo lote da MS-165, a rodovia Sul Fronteira, deve ser licitado até maio pelo governo do Estado. O convênio com o Ministério da Integração Nacional foi publicado na edição de hoje do Diário Oficial da União. O montante é para o lote 4, que corresponde a trecho de seis quilômetros entre os municípios de Aral Moreira e Coronel Sapucaia.

De acordo com a assessoria de imprensa da Seinfra (Secretaria Estadual de Infraestrutura), após a publicação do convênio, serão realizados os trâmites legais. O edital do processo licitatório deve ser publicado até maio. Conforme a secretaria, o lote quatro equivale à metade da MS-165.
Ao todo, a rodovia fará ligação entre Sanga Puitã e Mundo Novo, contornando parte da fronteira com o Paraguai. Segundo o governo do Estado, a via será nova opção para o escoamento da produção, além de reduzir trajeto, favorecer importação e exportação de produtos entre os dois países, levando-se em consideração o combate da violência e do contrabando.
O projeto contempla melhorias no acesso a faixa de fronteira do Centro-Oeste, incluindo os municípios de Ponta Porã, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas, Japorã e Mundo Novo, região prioritária da Política Nacional de Desenvolvimento Regional.
O projeto da Sul Fronteira prevê a pavimentação de 337 quilômetros das rodovias MS-299 e MS-165, de Ponta Porã a Sete Quedas (primeira etapa) e Sete Quedas a Mundo Novo (segunda etapa), pela linha internacional que separa o Brasil do Paraguai.
Fonte: Campo Grandenews 

WhatsApp Desiste de Cobrar Taxa Anual e Passa a Ser Totalmente Gratuito

Posted by salatiel | | Posted in , , ,


Sabe aquelas correntes sobre a possibilidade de o WhatsApp passar a ser cobrado? Esqueça todas elas. Hoje o aplicativo anunciou que até sua única forma legítima de cobrança será extinta.
Em comunicado, a empresa informou que desistiu de cobrar um dólar de cada usuário após o primeiro ano de uso. Ao longo das próximas semanas, o recurso de pagamento desaparecerá dos aplicativos à medida que a empresa atualiza seu app em cada plataforma.
A decisão se deu porque a tática era muito confusa e porque o Facebook (dono do WhatsApp) vai explorar outras formas de monetização. O WhatsApp garante, entretanto, que não está pensando em publicidade.
“A partir deste ano, nós vamos testar ferramentas que permitam que você use o WhatsApp para se comunicar com empresas e organizações que você queira”, informa. A ideia é criar pontes de atendimento que conecte clientes a bancos, companhias aéreas etc. São eles que financiarão o desenvolvimento do app.
FONTE : OLHAR DIGITAL

OUÇA A RÁDIO AO VIVO

DESTAQUE

Atendendo Salatiel, Prefeitura Faz Manutenção de Ruas da Área Industrial

A prefeitura Municipal de Sete Quedas realizou o patrolamento das ruas que dão acesso aos lotes da Área Industrial do município. ...

V Í D E O S

V Í D E O S
EM ENTREVISTA AO PORTAL GIBA NOTICIAS SALATIEL APRESENTA PROPOSTAS PARA SETE QUEDAS

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO