Denunciada em Dourados a venda de casas populares

Posted by JORNAL EDUCADORA | terça-feira, 6 de novembro de 2012 | Posted in , ,



MPF - Dourados (DOURADOS NEWS)
Na final da tarde desta segunda-feira (05), o deputado Marçal Filho, acompanhado de um ex-funcionário público de Dourados, foi até o Ministério Público Federal, onde conversaram com o procurador Manoel de Souza Mendes Junior, a respeito dos rumores de um suposto esquema de fraude no sorteio das casas populares construídas com recursos federais. O procurador se comprometeu a abrir uma investigação a fim de apurar a denúncia.

O parlamentar foi procurado no início desta tarde pelo ex-funcionário, que alegou que a demissão foi uma represália. “Me demitiram porque eu e outras pessoas questionamos alguns funcionários do alto escalão da prefeitura sobre umas coisas erradas que acontecem no setor de habitação. Eles não gostavam que a gente se metesse nesses assuntos. Mas eu via que estava errado e por isso insistia em saber o que realmente acontecia. Não tem muito tempo que a diretora de habitação teve problemas com isso, todo mundo sabe da história. Outros caciques grandes também devem estar envolvidos”, explicou.

O funcionário exonerado disse que ele e outras três pessoas foram demitidas por ‘falar demais e querer saber o que não deve’. Ele contou que os outros funcionários prejudicados estão com medo de represálias e por isso não se manifestaram até o momento. “No período em que trabalhei como funcionário público na prefeitura de Dourados, assisti quase que diariamente essas fraudes que existem na habitação. Era um esquema de favorecimento, as casas sempre saiam para parentes e amigos do pessoal lá, ou para alguém que pagasse a propina”, afirmou.

A suposta vítima disse ainda que procurou o Deputado Marçal Filho por se sentir lesado, tanto pela administração pública quanto pela matéria que o colocou como envolvido no hipotético esquema. “Fui muito prejudicado com essa matéria, assim que colocaram isso no site todo mundo começou a me perturbar, tanto amigos, como colegas e parentes. Fui apenas um bode expiatório para os reais envolvidos, eles fizeram isso para tirar o foco deles e ganhar tempos, porque eles sabiam que a bomba iria estourar. Sobre o site que me esculhambou, depois que conversei com o repórter que escreveu a matéria e falei que iria processá-lo, minutos depois ele mudou tudo e tirou meu nome, mas eu tenho a matéria da primeira versão”, desabafou.

Segundo o deputado Marçal Filho, por se tratar de recursos federais ele possui a obrigação e o dever de intervir no caso. “Os recursos usados para a construção das residências vem do programa federal ‘Minha Casa Minha Vida’. Logo, na posição de deputado federal eu estou na obrigação defender o bem público, neste caso, o dinheiro do povo. Devemos lembrar ainda que o déficit habitacional é enorme e por isso tais recursos devem ser geridos com a maior idoneidade”, finalizou.



Fonte: Dourados News

Prefeituras fecham na 4ª Em Protesto

Posted by salatiel | | Posted in , , ,


As prefeituras de Mato Grosso do Sul vão fechar as portas e parar as atividades nesta quarta-feira, 7 de novembro em forma de protesto contra a diminuição do repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), por parte do Governo Federal.

Na região Cone Sul do estado praticamente todas as prefeituras já anunciaram a adesão a paralisação, que está sendo convocada pela Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) com respaldo da CNM (Confederação Nacional dos Municípios).
Em Paranhos as contas estão equilibradas porque a administração previu a crise e já se programou para trabalhar com recurso reduzido para o fechamento das contas no final do mandato, segundo o Dirceu Bettoni (PSDB).
“Tivemos uma redução de aproximadamente 30% da nossa receita nos últimos meses e mesmo estando com as contas ajustadas, tivemos que cortar gastos”, disse Bettoni ao informar que a Prefeitura de Paranhos vai aderir a paralisação proposta pela Assomasul.
Em Amambai o prefeito Dirceu Lanzarini (PR) que a exemplo de Bettoni em Paranhos, deixa a Prefeitura no dia 31 de dezembro, também já adotou várias medidas para conter gastos e deixar as contas em dia para repassar a seu sucessor.
Ele anunciou que a Prefeitura de Amambai também vai aderir ao manifesto da Assomasul e fechar as portas nesta quarta-feira.

Segundo a Assomasul, às vésperas de fechar as contas para entregar os cargos, os atuais prefeitos estão sendo ameaçados, inclusive, de punição devido às exigências da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal). 
A queda da receita, que segundo a entidade vem ocorrendo de mês a mês por conta dos repasses reduzidos do FPM é o fator principal da crise que as prefeitas enfrentam no momento.
Os municípios apontam o incentivo, por parte do Governo Federal, do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) na compra de veículos zero quilômetro e dos eletrodomésticos como um dos vilões da queda de repasse às prefeituras.
Segundo a Assomasul, o IPI e o IR (Imposto de Renda) compõem o FPM, que é formado por 22.5% de tudo que o Brasil arrecada com esses dois impostos.
Na região Cone Sul do Estado as prefeituras estão cortando gastos e trabalhando no limite para conseguir honrar os compromissos com os fornecedores, a folha de pagamento do funcionalismo, inclusive o 13º salário e fechar as contas para passar para os sucessores, em caso dos prefeitos que deixam o cargo, e entrar 2013 com as contas em dia, no caso dos reeleitos.
Segundo a Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul, além do manifesto nos municípios, com o fechamento das prefeituras, os prefeitos estarão discutindo em assembléia-geral, na sede da Assomasul, uma saída para a crise.
O encontro, segundo o presidente da entidade, o prefeito de Chapadão do Sul, Jocelito Krug, está previsto para ter início às 13h30 desta quarta.
Fonte: A Gazeta News 

OUÇA A RÁDIO AO VIVO

DESTAQUE

Atendendo Salatiel, Prefeitura Faz Manutenção de Ruas da Área Industrial

A prefeitura Municipal de Sete Quedas realizou o patrolamento das ruas que dão acesso aos lotes da Área Industrial do município. ...

V Í D E O S

V Í D E O S
EM ENTREVISTA AO PORTAL GIBA NOTICIAS SALATIEL APRESENTA PROPOSTAS PARA SETE QUEDAS

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO