Estrangeiros ganham kits para a Volta das Nações

Posted by JORNAL EDUCADORA | sábado, 13 de outubro de 2012 | Posted in , , ,



Vanderlei Cordeiro de Lima e os estrangeiros (DIVULGAÇÃO)
O Sesi entregou, neste sábado, no auditório do Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, em Campo Grande, os kits com número de peito, camiseta promocional, manual informativo e chip descartável para os seis atletas estrangeiros inscritos na 4ª Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações, que será realizada neste domingo, com apoio da TV Morena e patrocínio da Unimed para comemorar o aniversário de criação do Estado.

Os kits foram entregues aos quenianos Joshua Kiprugut Kemei e Mark Korir, campeões das edições 2010 e 2011 da competição, e também aos atletas Barnabas Kiplagat Kosgei (Quênia), Fikre Assefa Robi (Etiópia), Seurey Jane Jelagat (Quênia) e Irene Jemutai (Quênia).

Após a retirada dos kits, os atletas de elite participaram do congresso técnico realizado todos os anos antes da prova para prestar esclarecimentos sobre o regulamento da Volta das Nações. Além deles, também participou do congresso, o padrinho da competição, o medalhista olímpico Vanderlei Cordeiro de Lima, que participa desde 2009 da competição na corrida de 10 km. "É sempre uma satisfação estar presente na Volta das Nações e da 1ª edição até a deste ano foi possível verificar o crescimento da competição, que começou com cerca de 6 mil inscritos e hoje estamos em mais de 24 mil participantes. A cada ano que passa, ela aumenta o número de atletas, consolidando-se como a maior prova do Centro-Oeste e uma das maiores do Brasil", declarou.

Para o queniano Joshua Kemei, o percurso não é fácil e ele vai tentar dar o máximo de si durante a prova. "As expectativas são sempre boas, mas somente no final da corrida para sabermos melhor sobre nosso desempenho", disse. O também queniano Mark Korir afirma que procura fazer seu melhor tempo independente das condições climáticas. "Com sol ou chuva temos que dar o nosso melhor", garantiu. A favorita da categoria elite feminina, a queeniana Seurey Jane, garante que não vai ter nenhum problema com o clima e o percurso. "Treinamos para todo e qualquer tipo de clima e percurso. Sabemos que não é nada fácil, mas no final é compensador", destacou.

Na avaliação do presidente da Fiems, Sérgio Longen, que acompanhou a entrega dos kits neste sábado, com mais de 24 mil inscritos a Volta das Nações pode ser considerada a 1ª competição de atletismo do Brasil. "Estamos orgulhosos de promover esse evento esportivo e já podemos projetar para 2013 mais de 30 mil inscritos. A população de Campo Grande entendeu a grandeza da competição e comparece em massa ano após ano, deixando de viajar no feriado prolongado para participar do nosso evento", pontuou.

PREMIAÇÃO
Na edição deste ano, além do sorteio de um automóvel 0 km entre todos os participantes das três provas que concluírem os respectivos percursos e aguardarem a premiação, a Volta das Nações vai distribuir R$ 98,3 mil em dinheiro para os cinco primeiros colocados da meia-maratona nas categorias geral masculino e feminino e indústria masculino e feminino, bem como para os três primeiros colocados da meia-maratona nas categorias cadeirante e deficiente visual masculino e feminino e para os três primeiros colocados da categoria indústria masculino e feminino da corrida de 10 km. Além disso, todos os primeiros colocados de todas as categorias vão receber troféus.

O 1º lugar no geral masculino e feminino da meia-maratona vai receber R$ 12 mil, o 2º lugar ganhará R$ 6 mil, o 3º lugar receberá R$ 3,6 mil, o 4º lugar terá prêmio de R$ 2,4 mil e o 5º lugar ganhará R$ 1,2 mil, enquanto na categoria indústria masculino e feminino o 1º lugar receberá prêmio de R$ 4 mil, o 2º lugar ganhará R$ 3,2 mil, o 3º lugar vai receber R$ 2,6 mil, o 4º terá direito a R$ 2,1 mil e o 5º receberá R$ 1,8 mil.

Ainda na meia-maratona, mas na categoria cadeirante masculino e feminino, o 1º lugar fica com R$ 1.430, o 2º com R$ 1.143 e o 3º com R$ 858, enquanto na categoria deficiente visual masculino e feminino o 1º lugar fica com R$ 1.430, o 2º com R$ 1.143 e o 3º com R$ 858, sendo que na corrida de 10 km, apenas na categoria indústria masculino e feminino, o 1º lugar vai receber R$ 1.430, o 2º ficará com R$ 1.143 e o 3º com R$ 858.

Os horários das largadas da edição deste ano da Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações foram alteradas em relação ao evento do ano passado. A primeira largada será às 7 horas para os atletas das categorias cadeirante e deficiente visual masculino e feminino, enquanto às 7h20 será dada a largada para os atletas das categorias elite e indústria feminino e, às 7h45, terá a largada para os atletas das categorias elite e indústria masculino, geral masculino e feminino, além dos participantes da corrida de 10 km (masculino e feminino) e da caminhada de 7 km (masculino e feminino).

COBERTURA
A cobertura jornalística da Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações 2012 terá como principal novidade a utilização de um helicóptero e mais de 60 profissionais, incluindo jornalistas, cinegrafistas e equipe de apoio. Segundo o gerente de marketing da TV Morena, Eddie Gutemberg, a cobertura por parte da emissora deve utilizar uma equipe de mais de 60 pessoas, entre técnicos e jornalistas. "Teremos um total de 10 câmeras espalhadas pelo circuito da competição, incluindo, além do local de largada e chegada - em frente ao Centro de Convenções e Exposições Albano Franco -, pontos estratégicos do percurso de 21 km. Também contaremos com três locais para entrada ao vivo durante a realização da Volta das Nações", informou.

No entanto, a maior novidade para este ano é a utilização de um helicóptero para fazer imagens aéreas durante a realização da competição. Com autonomia de quase três horas, a aeronave possibilitará a produção de imagens diferenciadas da largada e também dos cartões postais de Campo Grande por onde passa o percurso da Volta das Nações, como os parques das Nações Indígenas, do Sóter e dos Poderes. Além disso, a Unicom do Sistema Fiems terá uma produtora também fazendo imagens áreas e no solo, bem como jornalistas reforçando ainda mais a cobertura do evento. "A partir das sete horas, o helicóptero já estará sobrevoando o local da competição", informou o gerente da Unicom do Sistema Fiems, Ulysses Cosenza.

SERVIÇO
Mais informações sobre a 4ª Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações podem ser obtidas pelo sitewww.voltadasnacoes.ms.sesi.org.br

TEXTO - DANIEL PEDRA

Fonte: Assessoria

Estado nesta semana registra 46 casos de dengue

Posted by JORNAL EDUCADORA | | Posted in , ,



Mosquito transmissor da dengue
O Mato Grosso do Sul tem 11.542 casos suspeitos de dengue, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde, repassados pelo município. Deste total, 40 foram registrados de 30 de setembro a 6 de outubro e 146 são confirmados. O município com mais notificações é Campo Grande, com 4.755; seguida por Três Lagoas com 2.057 e Corumbá com 1.783.

Em Dourados, onde está a segunda maior população do Estado (198 mil pessoas), são pelo menos 152 casos suspeitos. O município, assim como Rio Verde e Naviraí, não encaminharam as informações até o prazo estabelecido. Conforme a Secretaria de Estado de Saúde, os municípios em monitoramento estratégico concentram 69,4% (1.668.883) da população estadual e 95% (38) dos casos suspeitos da doença, de acordo com a planilha simplificada de acompanhamento.

Até 6 de outubro, foram coletadas 719 amostras de isolamentos virais. Dessas 146 confirmaram dengue, sendo 35 do tipo 1; 62 do tipo 2 e 49 do tipo 4. A dengue tipo 1 foi confirmada em moradores de: Campo Grande, Corumbá, Eldorado, Itaquiraí, São Gabriel do Oeste e Três Lagoas.

As amostras deram positivo para dengue tipo 2 em pessoas de: Campo Grande, Cassilândia, Corumbá, Ladário, Ponta Porã, Rio Verde e Três Lagoas.

A dengue tipo 4 foi confirmada em: Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Guia Lopes da Laguna, Itaquiraí, Rio Brilhante, Ladário e Mundo Novo. Segundo o Laboratório Central (Lacen), os testes rápidos para dengue, na maioria das vezes, confirma a doença, no entanto, é preciso.

Fonte: Campo Grande News

Com submetralhadora jovem é preso em Mundo Novo

Posted by JORNAL EDUCADORA | | Posted in , , ,



Submetralhadora, munições e Pramil (DIVULGAÇÃO)
Um jovem de 18 anos foi preso na manhã de ontem com uma submetralhadora de uso restrito do Exército, 9 mm, quando passava pelo posto da Receita Federal em Mundo Novo. Ele ainda levava cinco caixas de munições 9mm, cinco caixas de calibre 38 e cinco cartelas do estimulante sexual Pramil, sendo que uma delas já estava utilizada.

Rodrigo Pereira de Almeida viajava em um táxi e ao ser abordado pelos agentes desceu com a arma na cintura, envolta em fita adesiva vermelha. As munições estavam dentro de pacotes de meia na mochila do rapaz.

Ele disse aos agentes que mora em Sorocaba, interior de São Paulo, e veio para a região para comprar a arma porque está sendo ameaçado de morte. O rapaz já tem passagem policial por posse ilegal de arma. De acordo com a Receita Federal, o modelo de submetralhadora apreendido é comprado por no mínimo R$ 20 mil na fronteira e geralmente esse tipo de arma é utilizada para assaltos a banco.

O jovem deve ser ser encaminhado para a Delegacia da Polícia Federal.

Fonte: Campo Grande News

OUÇA A RÁDIO AO VIVO

DESTAQUE

Atendendo Salatiel, Prefeitura Faz Manutenção de Ruas da Área Industrial

A prefeitura Municipal de Sete Quedas realizou o patrolamento das ruas que dão acesso aos lotes da Área Industrial do município. ...

V Í D E O S

V Í D E O S
EM ENTREVISTA AO PORTAL GIBA NOTICIAS SALATIEL APRESENTA PROPOSTAS PARA SETE QUEDAS

Noticias de Sete Quedas e Região

Tecnologia do Blogger.

    ARQUIVO